História do Céu do Paraná

A história do Céu do Paraná começa no ano de 1999 como a primeira Igreja do Santo Daime em Curitiba, iniciando como uma reunião para aprender a cantar os hinos da oração do Padrinho Sebastião. As reuniões aconteciam no bairro Abranches em Curitiba, neste mesmo ano de 1999 foi cedido o primeiro Daime. O sacramento foi cedido pelo Comandante Pelicano Villas Boas da Igreja Rainha do Céu localizada em Ribeirão Preto, irmão do saudoso Glauco Villas Boas fundador do Céu de Maria. Esta grupo de pessoas que realizava essas orações já começava a pensar em firmar o ponto, sendo assim, surgiu a necessidade de um nome para firmar esse fiozinhos de luz que nascia, como dito por um dos fundadores, a partir daí começou a nascer o sonho Céu do Paraná. No ano de 2000 este grupo veio a conhecer duas irmãs que já haviam estado na vila Céu do Mapiá conhecida também como a Central e já consagravam o Daime, com elas também chegou o seu Pedro Dário, grande professor desta irmandade e responsável por apresentar o Céu do Paraná a comunidade do Santo Daime e firmar a casa dentro da linha do Padrinho Sebastião através do seu sucessor e atual líder da doutrina padrinho Alfredo Gregório de Mello. Com este encontro foi fundado a primeira cede do Céu do Paraná no dia 30 de março de 2001 mudando-se para o bairro São Braz em Curitiba e sendo inaugurada com um trabalho de concentração com a presença do Padrinho Pedro Dário. Nesta sede permaneceu até o ano de 2002, quando foi transferida em caráter definitivo para sua sede própria em Bateias na cidade de Campo Largo, região metropolitana de Curitiba. A sede Bateias foi inaugurada no Dia 30 de novembro de 2002, em uma concentração, dia em que é comemorado o aniversário da casa, com a inauguração da sede Bateias foi iniciado a construção do sonho de uma comunidade voltada para Doutrina do Santo Daime, como era a orientação de Mestre Irineu e Padrinho Sebastião, ajuntar um povo beber Daime e conviver. Em 2004 a comunidade recebeu a Madrinha Cristina Raulino nossa Patronesse que realizaria tratamento de saúde em Curitiba. No ano de 2007 foi oficializada a Associação Centro Eclético da Fluente Luz Universal Madrinha Cristina Raulino o CEFLUCRIS. No ano de 2016 foi aprovado em assembleia geral a mudança de Associação para Instituição Religiosa, sendo considerado um marco para os objetivos da casa. Além do Senhor Pedro Nunes da Costa conhecido também como seu Pedro Dário e de nossa Patronesse Madrinha Cristina Raulino ganham destaque na história do Céu do Paraná a Madrinha Rosa Raulino esposa do seu Pedro e filha da Madrinha Cristina que continua a ser grande professora desta irmandade e o esposo da Madrinha Cristina o Vô Nel.

Logos do Céu do Paraná
Logos do Céu do Paraná
Logo Céu do Paraná